quarta-feira, 26 de julho de 2017

Youtube | Karol Pinheiro

Por favor, vejam este vídeo e reflitam sobre tudo o que andamos a publicar nas nossas redes sociais.


7 comentários:

  1. Excelente vídeo! Precisamos de aprender a ser equilibrados e a ser verdadeiros!

    ResponderEliminar
  2. De certa forma, não me identifico com a maior parte dos problemas mencionados pela rapariga. O Instagram (nem outras redes sociais tipo FB, Tumblr ou Twitter) não me tiram o sono. Adoro a rede social, partilho fotografias minhas, navego por lá e coloco likes e comentários onde bem quero e me apetece, mas não me tira o sono. Não me preocupo nem um pouco em parecer que a minha vida é perfeita. Partilho o que quero, com edições ou não. Eu própria sou uma rapariga simples que não está à procura da dita "perfeição".
    Mas uma coisa é certa, existe muita gente que tenta passar essa mentira da perfeição. Quanto à aba explorar... Mal lá vou, para ser sincera. Posso dar uma espreitadela algumas vezes por dia no Instagram, mas não passo lá horas. Vidas perfeitas não existem, e pessoas perfeitas então muito menos. A perfeição não existe, é só mais uma mentira criada e que as pessoas tendem a acreditar como sendo verdade. Eu então não passo nada que seja "perfeito". Posso até editar as minhas fotografias mas nada a nível de "pele perfeita" e tudo isso. Mas cada um é como cada qual, e cada um partilha o que quiser.
    Beijocas ♡

    Salty Ness | Instagram

    ResponderEliminar
  3. Gosto da partilha pessoal, do transparente. Também consulto muito a parte do sugerido no instagram, mas há dias que dá cada depressão, porque 80% não é real, e as pessoas não conseguem filtrar isso.

    ResponderEliminar
  4. Ela disse tantas verdades no vídeo! Deu mesmo para refletir...
    Beijinhos <3

    www.losingmamind.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  5. Bom vídeo :). Adoro essa youtuber, ela faz vídeos fantásticos.
    As redes sociais, sobretudo o Instagram, criam a ilusão de que as pessoas têm uma vida muito perfeita, são lindas, na verdade, aquilo não passa de filtros. Não sou extremista ao ponto de achar que devemos deixar de usar redes sociais, porque não, estas têm as suas vantagens, é preciso é sabê-las usar com moderação e com a consciência de que nem tudo que vemos nestas é verdade.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar