domingo, 30 de novembro de 2014

Adivinhem quem montou a árvore natal hihi



Espírito Natalício em altaaaaaaaaaaaaaaa :))

terça-feira, 25 de novembro de 2014

momento depressivo, com amor, Cat


Será que é mesmo verdade que um dia tudo acaba? Até os sentimentos que achamos mais sinceros e verdadeiros? Será que é mesmo verdade que o amor não dura para sempre, e que não basta amar? Não estou disposta a aceitar, mais uma vez, que um dia tudo acaba e que cada um segue o seu caminho, não se olhando mais, não se tocando mais. Aquele sentimento que necessita de tanta dedicação acaba assim do nada? Esgota-se ? Que se passa com os humanos? Será que já não é possível continuar a encontrar alguma coisa na pessoa escolhida que continua a fascinar mesmo já tendo passado 5, 10 ou 15 anos? Eu acredito, e gostava de continuar a acreditar, que todos nós teremos aquele que será "o grande amor da minha vida" e que se não o deixarmos fugir ele poderá durar para sempre, se for trabalhado, cuidado.                   Tou com a cabeça a mil, não sei em que pensar nem em que verdades acreditar. Não consigo perceber qual o sentido desta vida... 

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Lamechisses*

Apesar de achar super lamechas acho que ficou mesmo giro *-*





Gooooosto mesmo muiiito dele  ❤ 

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Às vezes...

...só precisas de alguém que te diga:
- eu sei que não tas bem. Conta!

Basta isto para tu começares a sentir-te melhor contigo própria e com os outros, e começares a contar o que se passa realmente. Obrigada por ainda existirem pessoas assim! 

Thanks new friend  

domingo, 16 de novembro de 2014

if i stay ?

Mais uma noite passada a falar contigo, mas desta vez é só por pensamento...não vai passar disso. Disse-te tudo o que achei das tuas atitudes, daquilo que acho que não está a funcionar, mais uma vez, mas mais uma vez fui mal interpretada e resultou numa enorme discussão.
Não tinha como não dizer. Sou assim, e se tenho que dizer uma coisa eu digo, e mesmo que isso seja lamentável.
Quero que isto fique bem, quero mesmo.

Quero-nos bem, quero realizar todas aquelas coisas perfeitinhas contigo, mas eu sei que por ti, vou ter que esperar muito. tu não imaginas a pena que tenho disso.
Não sei o desenrolar desta historia, nunca o sabemos.
Tudo o que queria era um futuro, em que tu estivesses a meu lado... 

Não te posso garantir que estarei sempre aqui á espera que resolvas fazer as coisas um bocadinho como eu acho que estao corretas, mas posso-te garantir que mesmo que quando tu chegares, se eu já não estiver aqui, eu queria mesmo estar...tu é que fizeste com que eu não estivesse.
Eu gosto demasiado de ti para te deixar ir, mas gosto de mim para andar sempre a lutar em vão. Só preciso que me mostres que não é em vão...
amo-te muito, meu bebezito...  

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

O teste.

Rezem, rezem muiiiiiiiiiiiiiiito por mim ! Amanhã tenho o teste para o qual andei a estudar duas semanas seguidas. Rezem muito por mim, para que eu consiga fazer no teste todos os exercícios que fiz nas aulas! 


Nunca estudei taaaanto na vida para um teste, tem de haver recompensa, né?
Vá, boa sorte pa mim 

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Eterno :))

não sei como começar, ou sequer o que escrever.
estou feliz, mais do que o comum. a razão é simples, tive com aquele que para mim será eterno.
e ele disse-me coisas que marcaram, e sei que foi sincero.

ele: estás mesmo diferente!
eu: para pior ? 
ele: não ! não mesmo, cresceste mesmo, estás mesmo "grande" 
eu: isso é bom? 
ele: é mesmo.  

não sei porque mas fiquei mesmo feliz. talvez porque apesar da distancia nós conseguimos sempre continuar a ser o que sempre fomos quando estamos juntos. ou talvez, por ele acompanhar desde sempre o meu "crescimento" e notar agora que "estou diferente".
Gosto mesmo dele, é das amizades mais verdadeiras que tenho. 

domingo, 9 de novembro de 2014

Desculpa,

Sei que mais tarde ou mais cedo alguém te vai mostrar o texto. sei que nesse momento irás ficar magoado comigo, ou talvez não. mas as coisas precisavam de ser exprimidas. Eu preciso disto.
Eu não te conheço. 

Não sei quem és, não sei qual o tom da tua voz, ou qual a tua maneira de andar. Não conheço a tua forma de sorrir, não sei porque nunca te vi. Não sei mesmo se tudo aquilo que dizes ser é verdade. Mas conheço aquela pessoa que falou comigo. Ninguém tem tanta criatividade para inventar assim. E a pessoa que falou comigo durante dois anos, existe. Pode não ser a mesma, mas eu sei que existe. 
E, é a essa que pessoa que eu tenho de agradecer eternamente. Por ser protector, mesmo à distancia. Por mostrar interesse, e por dizer as melhor palavras nos piores momentos.
Eu não sei quem és, e não sei se alguma vez vou saber. Mas sei que existe alguém que me fez muito feliz.

E eu gosto TANTO desse alguém.
Eu pensava que esta amizade era verdadeira.

E para mim continua a ser, por muito inocente que possa parecer. Eu não estou chateada, apenas deixei de acreditar. E lamento muito por isso. 

Isto tinha de ser dito, desculpa.
Gosto muito de ti, e agradeço por tudo o que já fizeste por mim. 

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Aiiiiiiiii Matemática, estás a dar cabo de mim !



Não consigo. Juro que já tentei de todas as maneiras começar a gostar disto. Tenho passado os dias a fazer exercícios, mas estou a dar em tolinha! Não cooonsigo :c

sábado, 1 de novembro de 2014

Faltam 2 mesitos para acabar o ano...


Tenho tantos planos para este mês ! Por favor que tudo corra bem !! E que venha o frio e as tardes românticas envolvidos em cobertores :3