segunda-feira, 16 de julho de 2018

1+3 | Medo

Foi o tema mais fácil e mais difícil que a Carolina nos lançou. Porém foi espontâneo, saber qual era o meu maior medo: tenho medo do desconhecido - medo do futuro.
Tenho medo do que pode acontecer amanhã, de não ser capaz de fazer o que tenho de fazer, tenho medo de não conseguir cumprir com aquilo que idealizo para mim. Eu não consigo pensar idealizar o meu futuro daqui a 5 anos porque eu tenho medo do que pode acontecer em 5 anos. Tenho medo de perder as minhas pessoas, tenho medo de me perder a mim própria.
Sim, eu tenho um terrível medo de tudo o que pode acontecer amanhã. Sou muito agarrada ao meu passado, e quando falo de futuro dá-me um arrepio. Eu tenho mesmo muito medo do futuro.

[Texto inserido no desafio 1+3]

4 comentários:

  1. É um medo válido como todos os outros, afinal, nunca sabemos o que pode acontecer.
    No entanto, não deixes que isso te prenda, nem tenhas medo de arriscar. Não deixes que esse medo te impeça de viver.
    E não tens de idealizar o teu futuro ao pormenor, temos algumas ideias, mas é a imprevisibilidade que te pode surpreender. Vive um dia de cada vez querida. Beijinho*

    ResponderEliminar
  2. O futuro também é algo que me assusta muito. Contudo, não podemos deixar que esse medo nos paralise e nos impeça de aproveitar aquilo que está mesmo à nossa frente :).
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  3. Também sinto medo do 'não saber'. O que é, o que se passa, o que vem, como vem... Essa ausência de controlo deixa-me ansiosa, um pouco perdida e assustada. No entanto, o importante, o que nos enrijece e enriquece, é ir. Agarrar no medo e saltar a pés juntos para o oceano, mesmo sem sabermos a temperatura da água. Ficar na prancha não pode ser opção ;)

    ResponderEliminar